Receba 10€ grátis no primeiro casino online legal em Portugal. Registe-se no Estoril Sol Casinos já!

Szilvia Freire: Uma miss no poker

A modelo húngara com ascendência portuguesa embeleza qualquer local onde passe, mas não só as passerelles fazem parte da sua vida, esta vistosa mulher é adepta de boas jogadas de poker. Mesmo não seguindo a via profissionalizante jogar poker é um dos seus passatempos. Fique a conhecer os atributos de Szilvia.

Szilvia Freire poker

A atraente Szilvia Albuquerque Freire nasceu em 1984, em Budapeste, na Hungria, e é fruto de uma união com raízes lusitanas, uma vez que os seus avós paternos são portugueses e o seu pai nasceu em Moçambique. A estes laços familiares se devem os seus apelidos marcadamente portugueses. A esta essência multicultural junta-se a sua mãe, que é de nacionalidade húngara.

Coroada como Miss Mundo Húngara

Olhar para Szilvia Freire revela o seu delineado corpo, digno de uma verdadeira modelo, e é na área da moda que tem dado mais cartas.

Com 1,74 metros de altura, medidas perfeitas 90-60-90, um olhar cativante e um apelativo sorriso, as passerelles não têm segredos para ela e são um espaço onde se sente confortável.

Em 2005 representou o país do seu pai, Moçambique, no concurso Miss Universo, em Tirana, na Albânia.

Mas foi em 2008, que atingiu um importante título, pois foi nomeada Miss Mundo pelo seu país de origem, a Hungria. Nesse mesmo ano em que concretizou um sonho, participou também no concurso internacional Miss Mundo-uma vez que havia sido a vencedora húngara e desse modo competia-lhe representar internacionalmente o seu país.

Neste concurso Szilvia Freire não ganhou, mas ficou nas quatro finalistas na categoria “Beleza com um propósito”. Com este título Szilvia trabalhou em conjunto com uma fundação, cujo objetivo era a consciencialização da sociedade perante pessoas com deficiência.

Szilvia Freire Miss

Talentosa e especial

Formou-se em Economia e é apaixonada por animais de estimação. Para esta sexy Miss Mundo as críticas negativas não a entristecem, pois é com as mesmas que aprende e que tem conseguido atingir os seus objetivos.

Szilvia Freire é poliglota, além de falar húngaro, que é a sua língua nativa, domina também o português, língua da sua família paterna, o inglês e um pouco de francês. Os seus conhecimentos linguísticos combinam em pleno com a sua capacidade de interagir e comunicar com os outros.

Gosta de estar rodeada de pessoas e o seu lado mais sociável cativa quem com ela se cruza. A paciência e a tolerância, diz ela, são duas das principais qualidades que a experiência lhe têm trazido.

Szilvia, uma amante do poker

Jogava poker com Szilvia Freire? Se a sua resposta é sim, fique a saber que um dos seus passatempos preferidos é jogar poker, por isso se a beleza desta hipnotizante mulher o impressionasse não teria grandes hipóteses de vencer.

Em 2009 a modelo participou no “World Series of Poker” (WSOP), torneio no qual foi patrocinada pelo Everest Poker, que pagou o buy-in e apostou nela como embaixadora.

Devido ao fato de não ser uma jogadora profissional ficou rapidamente arredada da competição, mas é uma das caras femininas que continua a ser relembrada pela sua sensualidade e para além desse fato deixou uma boa impressão na sua primeira ingressão num grande evento do poker mundial.

Desde então Szilvia continua a jogar, mas não tem participado em torneios com o renome do WSOP.

Por exemplo, no “Peoples Poker Tour” em 2010, em Montenegro, conta com um nono lugar, em 2011 conseguiu o 28º lugar e nesse mesmo ano, em Itália, conseguiu o 44º lugar.

Sexy e hipnotizante

Esta morena charmosa impressiona e revela um enorme sex appeal, captado tanto pelas suas produções fotográficas, como pelas imagens durante as suas jogadas de poker.

Szilvia Freire, um nome que nos é familiar pelo nacionalismo presente nos seus apelidos, mas que se espera que venha a ser muitas vezes ouvido, seja na moda ou no poker, porque com esta grandiosa beleza tanto a moda como o poker terão tudo a beneficiar.

Comentários

  • Que beleza!!! Nunca ouvi falar nessa mulher!

    Responder

Deixe um comentário